Carregando...
Espírito Santo

Fundo de R$ 100 milhões vai financiar produtores rurais do Espírito Santo

Coopeavi firmará parceria para garantir acesso facilitado ao crédito por pecuaristas cooperados


16/11/2021 15:22
Compartilhe
Fundo de R$ 100 milhões vai financiar produtores rurais do Espírito Santo
Carlos Mascarenhas, Felipe d'Ávila e Gustavo Andrade, da Agroforte

A cooperativa capixaba Coopeavi acaba de firmar uma parceria com a paranaense Agroforte para ampliar e facilitar a oferta de crédito para criadores de pecuária leiteira cooperados no Espírito Santo. A agtech de Curitiba estruturou uma carteira que vai destinar R$ 100 milhões a produtores de alguns estados do Sul e Sudeste do Brasil– e inclui agora o Espírito Santo. Segundo o CEO da Agroforte, Felipe D’Ávila, a proposta da parceria é oferecer crédito personalizado e desburocratizado para que produtores aumentem sua capacidade de investimento e crescimento.


PECUARISTAS ENFRENTAM BUROCRACIA NO ACESSO AO CRÉDITO

Ao mesmo tempo que os pecuaristas brasileiros têm uma necessidade intensiva de capital, eles enfrentam dificuldades de acesso ao crédito. Excesso de burocracia, garantias exigidas, demora na liberação do crédito e falta de informação são os principais contratempos na hora de pedir um empréstimo, aponta o CEO e um dos sócios da Agroforte, Felipe D’Ávila.

Para transformar esse cenário, a Agroforte desenvolveu uma plataforma para desburocratizar o acesso dos produtores ao crédito e já disponibilizou R$ 100 milhões para criadores do Sul e Sudeste do país.

O app da Agroforte permite que os associados tenham acesso a empréstimos em até 48 horas com menos burocracia. O pagamento das parcelas também traz uma inovação: os pagamentos se assemelham ao “consignado”, e são deduzidos da folha do leite– pagamento que a Coopeavi faz aos cooperados pelos produtos.

O primeiro negócio foi fechado no mês passado pelo Jayr Schimidt, dono de uma fazenda em Colatina e cooperado da Coopeavi. Ele adquiriu quatro novilhas de um criadouro da cooperativa.  “Achei muito bom. Não vai me apertar muito porque vou pagar com o próprio leite. Eu recomendo para outros produtores”, diz.

De acordo com o gerente financeiro da Coopeavi, Alvano Lahasse, o limite de crédito varia conforme o volume de entrega de leite do cooperado.“A facilidade e agilidade da contratação, além da transparência e da baixa burocracia, são os pontos positivos da AgroForte.”

O CEO da AgroForte, Felipe D’Ávila, destaca o diferencial na customização do crédito conforme a real necessidade do produtor. “Nosso objetivo com essa parceria é possibilitar que todos os produtores cooperados tenham acesso a linhas de crédito desburocratizadas e customizadas a sua necessidade. Queremos mudar a forma como o pequeno produtor acessa crédito. Trazer a digitalização e todos os benefícios que ela gera para o campo, com rapidez e agilidade no crédito”.

Fonte: Mundo Business


Tags

parceria coopeavi crédito leite

Outras notícias + Lista completa
Sou.Coop