Carregando...
Espírito Santo

Terceiro ciclo de Reuniões Setoriais de 2021 inicia com o segmento da agricultura familiar

Cooperativas conheceram a nova campanha da OCB/ES, os resultados do monitoramento cooperativista e as Jornadas de Aprendizagem


19/11/2021 11:31 - Por Sintia Ott
Compartilhe
Terceiro ciclo de Reuniões Setoriais de 2021 inicia com o segmento da agricultura familiar

O terceiro ciclo de Reuniões Setoriais organizadas pelos Sistema OCB/ES para o ano de 2021 teve início na tarde da última quarta-feira (17/11). O Encontro foi destinado às cooperativas capixabas atuantes no setor da agricultura familiar e que integram o Ramo Agropecuário.

Participaram a Cooperativa Agroindustrial de Garrafão (Cooperfruit), a Cooperativa de Valorização, Incentivo e Desenvolvimento Agropecuário Sustentável (Coopervidas) e a Cooperativa de Empreendedores Rurais de Domingos Martins (Coopram). O gerente de Agricultura Familiar da Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), Andreliano Mareto, e técnicos do Sistema OCB também acompanharam a reunião.

Foi apresentada a nova campanha institucional do Sistema OCB/ES que circulará em 2022, com conceitos e visuais focados na valorização das pessoas e de suas histórias. Considerando que no próximo ano a OCB/ES completará 50 anos, a proposta reúne o tom celebrativo com elementos de humanização. Por isso, o slogan a ser trabalhado é Conectando Histórias. As peças institucionais e os canais de comunicação da OCB/ES estarão alinhados com a nova campanha, e as cooperativas também poderão fazer uso dela.

Na sequência, o Sistema OCB/ES apresentou os resultados do monitoramento cooperativista, realizado com a ajuda de ferramentas, programas e projetos que focam no desenvolvimento e aprimoramento organizacional como pontos chave para o crescimento das cooperativas. O monitoramento inclui quatro processos: Identidade Cooperativista, Gestão e Governança, Desempenho e Avaliação Complementar.

A Certificação de Regularidade Técnica (CRT) é um serviço complementa o monitoramento e busca assessorar as cooperativas no cumprimento às exigências legais e promover a adoção de boas práticas de gestão e governança. No ciclo de 2020, 109 cooperativas foram consideradas na aplicação das ferramentas, sem contar as filiais. Desse total, 70 coops foram certificadas. No Ramo Agropecuário, 23 cooperativas foram consideradas aptas a participar da CRT, das quais 18 realizaram o processo e 16 foram certificadas.

Também foram apresentados dados do Ramo Agropecuário referentes ao desempenho financeiro e econômico das cooperativas e que fazem parte do Diagnóstico Cooperativista. O Sistema Desempenho reúne essas informações. A ferramenta consiste em um ambiente virtual de cadastro único e consolidação dos balanços contábeis e sociais criado pelo Sistema OCB que permite acompanhar o desenvolvimento das cooperativas em números e compará-los com os das demais cooperativas do seu ramo e segmento. Os dados disponibilizados pelas cooperativas são processados, gerando informações que ficam disponíveis 24 horas por dia para serem acessadas.

Em seguida, representantes da OCB/ES apresentaram dados sobre o Ramo Agropecuário no Espírito Santo referentes ao último ano. As informações podem ser consultadas no Anuário do Cooperativismo Capixaba 2021, capítulo Resultados por Ramo.

A novidade é que, de agora em diante, os dados do Sistema Desempenho serão aproveitados na coleta do Censo 2022, pesquisa que serve de subsídio para a confecção dos Anuários do Cooperativismo brasileiro e capixaba.

 

JORNADAS DE APRENDIZAGEM

Outra iniciativa apresentada na reunião setorial foram as Jornadas de Aprendizagem, que derivam do Qualificacoop - um desdobramento do Planejamento Estratégico do Sistema OCB/ES que tem o objetivo de qualificar os profissionais atuantes no cooperativismo capixaba por meio de soluções de aprendizagem de alto impacto. O projeto Qualificacoop deu origem às Jornadas de Aprendizagem.

A iniciativa é dividida em quatro pilares: DNA Cooperativista, Estratégia Cooperativista, Inovação e Transformação Digital e Liderança e Gestão. Cada pilar agrega um conjunto de capacitações relacionadas a ele. Também há jornadas específicas voltadas para cada ramo do cooperativismo. As capacitações vão ser ofertadas a partir de 2022 e estarão atreladas ao Qualificacoop.

 

PALAVRA ABERTA

Ao fim da reunião, alguns participantes da reunião realizaram falas de agradecimento aos serviços prestados pelo Sistema OCB/ES, entre outros assuntos.

O presidente da Cooperativa de Empreendedores Rurais de Domingos Martins (Coopram) e representante do Conselho Fiscal do Sescoop/ES, Darli José Schaefer, enfatizou a importância das ferramentas de monitoramento cooperativista e mencionou os desafios enfrentados pela sua cooperativa durante a pandemia.

“Parabenizo a OCB/ES pelo trabalho realizado e ressalto que pretendemos usar mais as ferramentas que a organização disponibiliza. Sabemos da importância de se ter uma certificação, por exemplo. Em 2020 e 2021, devido aos cortes orçamentários em programas públicos como o Pnae, enfrentamos momentos atípicos e trabalhamos muito para cumprir os nossos compromissos. Superado esse momento, planejamos reorganizar a nossa cooperativa para estimular a retomada dos negócios”, disse.

A presidente da Coopervidas, Maria Elisa Martins da Silva, agradeceu a assistência prestada pela OCB/ES à sua cooperativa. “Agradeço a ajuda que deram para conseguirmos a nossa certificação. Nossa meta é melhorar os resultados cooperativa, e para isso contamos com o apoio e a orientação da OCB/ES”, afirmou.

O analista técnico econômicoaAgropecuário do Sistema OCB Fernando Pinheiro elogiou o trabalho da Unidade Estadual do cooperativismo capixaba e as coops presentes na reunião. “Parabenizo a OCB/ES pelo trabalho realizado, e vocês, cooperativas, por impulsionarem o desenvolvimento do nosso movimento. É o fortalecimento das cooperativas que faz a economia do nosso modelo de negócio crescer”, ressaltou.

O analista técnico econômico do Sistema OCB Jonas Jochims disse que o Sistema OCB/ES é um exemplo de organização, representação e atuação na ponta. Ele ainda trouxe novidades para as cooperativas de agricultura familiar. “Foi publicada uma nova resolução do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). Cooperados da agricultura familiar podem se inscrever para participar. Outra novidade é a substituição da Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) pelo Cadastro Nacional da Agricultura Familiar (CAF). O credenciamento começa somente a partir de janeiro, mas já é possível conhecer os processos para realizar o cadastro, como documentos requisitados”, informou.

 

MATERIAIS PARA CONSULTA

Ao longo da reunião, foram apresentados diversos materiais disponíveis para uso e consulta por parte das cooperativas. Confira a lista a seguir:

Esses e outros programas de formação profissional, promoção social, desenvolvimento organizacional e monitoramento estão reunidos nesta página.

Fonte: Sistema OCB/ES


Tags

reuniões setoriais agricultura familiar

Outras notícias + Lista completa
Sou.Coop